\\ Texto Maria Amélia Pires
\\ Fotografia Direitos Reservados

A Representação da Figura Humana na Arte em Angola

Exposição na Galeria Banco Económico

A Representação da Figura Humana na Arte em Angola é o título de uma exposição coletiva que esteve patente até ao dia 4 de abril último, na Galeria do edifício sede do Banco Económico, em Luanda, Angola. A Galeria Banco Económico, espaço de referência arquitetónica em Luanda dedicado à arte e cultura, reforça, assim, em 2017 o seu compromisso de apoio à cultura e ao mundo artístico.

Foram cerca de 65 os artistas angolanos e de 90 as obras presentes na exposição. A curadoria foi da responsabilidade de Sónia Ribeiro, Jorge Gumbe, Danilo Fortunato e Benjamim Sabby, que coordenaram a pesquisa e a produção levadas a cabo durante cinco meses pela equipa da This is Not a White Cube (TINAWC), que, por sua vez, observou produções artísticas de 1950 até aos nossos dias. Pintura, escultura, instalação, fotografia, serigrafia e videoarte foram algumas das manifestações artísticas desta mostra, que evidencia as transformações pelas quais o retrato e o autorretrato passaram, não só em termos de técnicas usadas, mas também as relacionadas com a atitude dos artistas em relação aos seus motivos, decorrentes dos seus contextos e épocas. António Ole, Hildebrando Melo, Etona, Délio Jesse, Ana Silva, Kapuka, Francisco Vidal, Mónica de Miranda, Januário Jano, Keyezua, Mangovo, Yonamine e José Silva Pinto foram alguns dos artistas representados.

Nesta exposição havia ainda uma secção educativa composta por reproduções de estudos preparatórios de obras, história da banda desenhada e cartoons que podiam ser consultados pelo público.

PARTILHAR O ARTIGO \\